[encerrado] Prazer da Palavra

Grupo de Estudos poético-literário online e gratuito. Participação de Ana Ester e Mel Bevacqua. Mediação de Catarina Maruaia. Inscrições abertas até o dia 10 de abril de 2022. Vagas Limitadas, preenchidas por seleção.


SOBRE O GRUPO DE ESTUDOS


O Grupo de Estudos, Prazer da palavra visa a realização de quatro encontros de experimentação entre artes visuais e palavra com a medição de Catarina Maruaia. Apresentando textos, poesias e/ou contos eróticos decoloniais pra leitura conjunta sugerindo ainda experimentações criativas com a palavra. Nessa edição pretende-se a seleção de textos indígenas, afro referenciados e bíblicos, e a participação de Ana Ester e Mel Bevacqua trazendo reflexões importantes sobre a espiritualidade e erotismo.


SOBRE AS CONVIDADAS


Ana Ester

Teóloga-lésbica-queer-feminista, mestra e doutora em Ciências da Religião. Clériga ordenada pelas Igrejas da Comunidade Metropolitana. Co-presidenta da Global Interfaith Network for People of All Sexes, Sexual Orientations, Gender Identities and Expressions (GIN-SSOGIE). Colunista sobre temática LGBTI+ na Revista Senso.


O cristianismo tradicional tem operado como uma das principais tecnologias de gênero de nossa sociedade. A renúncia à domesticação do desejo requer estratégias que partam de fora da estrutura religiosa, mas também de dentro.


E é a partir de dentro que esse encontro apresentará perspectivas eróticas do cristianismo, por meio de reflexões teológicas queer. As bases teóricas para o debate serão da Teologia Indecente da teóloga argentina Marcella Althaus-Reid.




Mel Bevacqua

Meliny Bevacqua é taróloga, astróloga, escritora e artista múltipla. Publicou “transespírito” em 2020 e “manual para o autodesconhecimento” em 2021. Pesquisa as fronteiras em corpo&espírito, sagrado&profano, eu&outro.


Por quais caminhos do nosso corpo as palavras passam? E quando elas passam por lá, o que sentimos? Encostando nosso corpo no chão, no edredom, encostando nosso corpo no nosso corpo, em outro corpo, quais palavras tomam choques? O desejo de escrever se relaciona como com os outros desejos?


Mel Bevacqua propõe uma conversa sobre visões de erotismo e o lugar que o desejo ocupa na criação. Uma experiência com o corpo e um exercício de escrita, compartilhado e discutido.


+ INFORMAÇÕES


Data: 28 e 29 de abril de 2022,

05 e 06 de maio de 2022.

de 14:30 as 15:30 horas.

Para maiores de 18 anos.


Encontros síncronos, em plataforma digital - GoogleMeet - Cadastre gratuitamente pelo site ou baixe o App GoogleMeet. As aulas serão gravadas mas não disponibilizadas.


Todas as informações e orientações de participação serão enviadas por e-mail após a seleção dos participantes que preencherão as vagas.


Atividade gratuita. Programação da 2ª Edição do Festival de Arte e Sexualidade, 2022. Corpo: território decolonial.


A presença em todos os quatro dias do Grupo de Estudos dá direito a certificado de participação.





Dúvidas e outras informações pelo e-mail: producao.setoque@gmail.com

Acompanhe nossa programação pelo site www.setoque.art e siga-nos nas redes sociais @setoque.art










Festival de Arte e Sexualidade - Projeto anual temático que visa incentivar e viabilizar a investigação e o estudo da sexualidade por meio da criação e experimentação poética e artística. Assim como, dar visibilidade ao trabalho artístico-cultural e intelectual acerca do corpo, sexualidade e prazer entre áreas de pesquisa e expressão diversas.


Instituto Se Toque - Instituto de arte embasado em produções colaborativas que discutem sexualidade, corpo e gênero e, promovem a interconexão de saberes. Desenvolve ações artísticas, culturais e interdisciplinares atuam na promoção da saúde das relações humanas, prevenção e estancamento das violências sexual e de gênero e no empoderamento do indivíduo.

Sexo é um pontinho de luz na noite estrelada do cerrado.        Sexualidade é o céu inteiro.                   Sexo é um pontinho de luz na noite estrelada do cerrado.        Sexualidade é o céu inteiro.